Atitudes que fazem a diferença

 

Quase todas as manhãs leio o Jormal Metro, distribuido em algumas cidades do País (e do mundo). Aqui em São Paulo ele é distribuído em alguns semáforos. E hoje, lendo-o, tive a boa noticia: Metro passa a usar tinta ecológica em suas edições. Ele é o único diário do país impresso no sistema heat-set (impressão quente) a utilizar uma tinta com o selo BRC (conteúdo com recursos bioderivados renováveis, na sigla em inglês).

De acordo com a reportagem com o Metro de 13/01/10 (pág. 5): “Grande parte da matéria prima usada na produção da tinta é renovável. Além disso, ela emite menos resíduos no ar, e o tempo de biodegração de seus resíduos é menor que o das tintas convencionais. Em seu processo de fabricação, os óleos minerais utilizados são substituídos por óleos vegetais, mais amigáveis ao meio ambiente.”

Apoio iniciativas como esta! Sei que estamos longe de alcançar um ideal de sustentabilidade e ações ecologicamente corretas, mas apenas cada um fazendo suas ações no dia-a-dia, isso já ajuda a impactar um pouco menos o meio ambiente. E o Planeta agradece!

Para ter dicas de atitudes que podem ser aplicadas no seu cotidiano, leia a  Reportagem abaixo que saiu no site da Editora Abril.

JANEIRO
Vá a pé comprar pão na padaria
Aposente o carro e outros meios de transporte sempre que possível. Um dos gases responsáveis pelo efeito estufa é o dióxido de carbono (CO2), e a maior parte dele vem da queima de combustíveis. Ao andar a pé ou de bicicleta, você ajuda a reduzir as concentrações desse gás e faz o planeta ficar menos poluído.

FEVEREIRO
Troque as lâmpadas da sua casa
Substitua aquelas lâmpadas incandescentes (geralmente amarelas) pelas fluorescentes (as brancas). Apesar de serem um pouco mais caras, elas duram até dez vezes mais, são mais eficientes e economizam até um terço de energia elétrica. Outra atitude para reduzir o gasto com energia é aproveitar ao máximo a luz do sol.

MARÇO
Separe o lixo para reciclagem
Essa dica é batida, mas é sempre bom voltar ao assunto. Passe a separar o lixo na sua casa em seco e molhado. Isso é fundamental, porque um copo sujo de cafezinho pode inutilizar quilos de papel reciclável. No lixo seco vão papéis, vidros e plásticos. No molhado ficam os restos de comida. Reúna os vizinhos e organize um sistema de coleta seletiva.

ABRIL
Faça um trabalho voluntário
Que tal participar de uma ONG que ajuda a salvar o planeta? Além de contribuir com o meio ambiente, a sensação de tornar o mundo melhor funciona como um antídoto contra a falta de confiança. Não faltam áreas para atuar: defesa de rios, plantas e bichos, combate ao desperdício e à poluição nas cidades. Procure entidades de sua região e verifique como ajudá-las.

MAIO
Só gaste o necessário
Você já parou para pensar que a maneira como gasta seu salário tem um impacto na sustentabilidade do planeta? Pode parecer exagero, mas não é. O consumo excessivo é um dos grandes vilões da degradação ambiental. E você pode influenciar a responsabilidade ambiental das empresas. Sempre prefira produtos de quem respeita o meio ambiente. E evite o desperdício: use ao máximo o que você compra.

JUNHO
Use sacolas de pano
Cada família brasileira usa, em média, 66 sacolas plásticas de supermercado por mês. E o pior: como essas sacolinhas são feitas de um plástico muito fino, elas não podem ser recicladas junto com outros plásticos. Para evitar toda a poluição que essas vilãs causam, o ideal é trocá-las por alternativas ecologicamente corretas. Leve sua própria sacola ao mercado, de preferência de pano.

JULHO
Plante uma árvore
Que tal aproveitar as férias para dar uma cara nova ao seu quintal ou àquela praça sem vida da vizinhança? Você pode até achar que não, mas essa pequena atitude tem um efeito muito grande para o meio ambiente. Uma única árvore pode absorver até uma tonelada de CO2 durante sua vida, o que contribui muito para a proteção do meio ambiente. E plantá-la nem dá tanto trabalho assim!

AGOSTO
Incentive seus filhos
O bom exemplo começa em casa. As crianças devem ser educadas para construir um mundo saudável e recuperar os estragos. O papel das mães nesse processo é fundamental. Incentive seu filho a entrar em contato com a natureza. Leve-o para participar de um grupo de escoteiros ou cuidar das plantas do quintal. Ou plante uma horta em casa e estimule os pequenos a cuidar dela.

SETEMBRO
Aprenda a “se desligar”
Adquira o ótimo hábito de tirar os aparelhos eletrônicos da tomada quando eles não estiverem sendo usados. Cerca de 5% da energia usada em residências é consumida para manter os aparelhos em stand by, ou seja, modo de espera. Isso vale inclusive para carregadores de celular e baterias, que gastam energia mesmo que não estejam conectados a nenhum aparelho.

OUTUBRO
Deixe a grama crescer
Pequenas atitudes como essa ajudam a economizar água. A grama alta retém mais umidade. Por isso, durante o verão, deixe o gramado crescer pelo menos quatro centímetros a mais do que o normal.
Assim, você evitará a aparição de trechos ressecados e diminuirá a necessidade de regar. Também vale reaproveitar a água da chuva. Capte-a em um galão e depois use-a para regar o jardim ou lavar a varanda.

NOVEMBRO
Preste atenção nas embalagens
Quando for ao supermercado, preste atenção nas embalagens. Alguns selos estampados nos produtos indicam que o fabricante é correto no que faz. Vale a pena gastar mais tempo e checar, por exemplo, se as compras trazem o Selo Verde, do Conselho Nacional de Defesa Ambiental, que é dado a produtos que não causam danos à natureza.

DEZEMBRO
Doe aquilo que você não quer mais
Você costuma fazer aquela faxina de final de ano e jogar um monte de coisas no lixo? Pode parar! Muito daquilo que não tem mais serventia para você pode ser útil para outras pessoas. Por isso, aprenda a doar. Doe roupas, calçados, brinquedos, etc. Até mesmo aquela pilha de papéis pode ser doada para instituições. Com isso, você ajuda a evitar o desperdício.

Os.: Sou viciada em ler o Jornal Metro todas as manhãs. Tem disponível no site  os jornais publicados no mundo inteiro. Leio no mínimo, todas as amnhãs, o de São Paulo, Toronto e New York.

Anúncios

4 opiniões sobre “Atitudes que fazem a diferença

  1. Preciso dizer que adoro os teus comentários e que vou atualizar o blog o quanto antes,que acho que tu não aguenta mais o post dos filmes né??haha
    Então,do blog,é a mais pura verdade..Sempre mudava de idéia e de assunto toda semana..!haha
    beijoo

  2. Sempre gostei do Metro. Eu acostumava ler no metrô, quando estava em Toronto. E foi uma enorme surpresa quando vi que ele chegou a São Paulo.
    É um diário que, em poucas páginas, nos traz de tudo para estarmos inteiradas do que está acontecendo aqui e no mundo.

  3. Muitos pensam que a questão da sustentabilidade está ligada ao governo e ás grandes empresas.
    Porém, se cada um fizer a sua parte, em pouco tempo teremos um mundo melhor.

  4. Eu também conheci esse jornal em Toronto, e gosto muito pois sintetiza as informações do dia anterior. E o melhor, é gratuito!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s